TREINANDO

Ice man


pedal gelado

A meteorologia aponta para uma queda brusca da temperatura no sul a partir de hoje, mas a massa de ar frio já se deslocava no final de semana. Será uma das semanas mais frias dos últimos 15 anos.

A sexta-feira foi cruel, frio e muita chuva aqui em Floripa, desanimando qualquer um de treinar ou simplesmente sair na rua para comprar comida. Passar fome parecia a melhor opção visto o dilúvio que se manifestava.

Eu arrumei minhas coisas de treino e deixei tudo preparado para o sábado, mas já com um plano B de treinar no rolo no conforto do lar. Acordei as 7hs, olhei para a rua, o vento uivava e o dia estava nublado, não chovia, mas o dia pedia para voltar para baixo das cobertas e quase fiz isso.

Zapendo pelo facebook vi um post do nobre Iron Doc (post sobre ele aqui) dizendo que triatleta saí para treinar com qualquer tempo e não se mixa para o frio e para o vento. Foi um incentivo e com isso não esmoreci, peguei minhas tralhas, coloquei a bike no carro e me mandei para Jurerê.

O bairro estava vazio, praticamente ninguém na rua, alguns poucos se aventuraram a sair na rua para treinar e eu fui um deles. Chegando na assessoria encontrei mais 2 colegas de bike, outros 3 iriam correr.

O fardamento dava a sensação de ser uma “cebola”, pelas várias camadas de roupas para amenizar o vento e o frio cortante. Uma camiseta térmica, uma camiseta manga comprida, uma camiseta de ciclismo, manguito e jaqueta corta vento. Luvas e um lenço para proteger o rosto.

O treino foi legal, rodei 60k, mas me cansei muito, acho que o esforço para me manter aquecido e a suplementação errada não me ajudaram. Apenas tomei 400ml de malto durante 2hs e 10 de pedal. Devia ter tomado um gel ou comido alguma coisa, mas o frio não me fizeram sentir fome, mas sei que fiz errado.

Durante todo o percurso acho que vi apenas uns 10 ciclistas na rodovia. Num dia de sol, no mínimo uns 50 ciclistas rodam na SC401. O treino rendeu, doeu e foi gelado, mas depois o resultado compensa.

No final da manhã ainda participei da apresentação do projeto que citei na sexta-feira aqui no blog, o Respeito Sobre Rodas e foi muito legal ver a galera prestigiando o evento.  A empresa Canasvieiras Transportes que participa do projeto treinando seus motoristas também estava presente.

Nós ciclistas temos de ser educados, termos bom senso em não querer cruzar na frente de um busão, mesmo que a lei esteja a favor e os motoristas respeitando as bikes. Cada um fazendo sua parte fará nossa convivência mais harmoniosa e principalmente segura.

E o frio? Hoje já coloquei jornal dentro do tênis para treinar na esteira da academia…rs

Correr para crer, ice baby!

Anúncios

6 comentários em “Ice man

  1. Fala Diego.

    Alguns dias atrás sai para treinar a noite aqui em Campinas. Apesar de Campinas não ser tão fria quanto Floripa (ou outras cidades do Sul), o treino não foi fácil. Correr com vento (venta muito aqui) e frio (fazia uns 10ºC) torna o desafio mais pesado. Mas, em compensação, o sentimento de “dever cumprido” torna-se maior. 🙂

    No fim das contas, foi bom passar por essa experiência no treino. Imagino que na Golden 4 Asics SP (próximo domingo) o frio ainda vai estar presente.

    Grande abraço.
    Brunno – http://movidoaendorfina.wordpress.com

    Curtir

Obrigado pela visita e participem comentando no blog!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s