DE TUDO UM POUCO

Experiências, eu a cobaia!


experienciasQuando me lesionei resolvi investir meu tempo na academia e comentei várias vezes sobre o Projeto Arnold que iniciei ainda em novembro. Primeiro não podia treinar natação, pedal ou corrida e o segundo motivo por que queria baixar meu BF (do inglês body fat ou % de gordura).

Na época eu estava com 15,3%, normal, mas as gordurinhas localizadas no panceps e na cartucheira me incomodam desde os meus 15 anos, isso quer dizer que há 20 anos eu convivo ou melhor convivia com elas.

As últimas avaliações já vinha baixando meu BF e ganhando massa magra. Ainda não fiz uma avaliação para verificar o resultado de uma dieta chamada “cutting” (cortar ou recortar) que fiz do dia 23 de novembro até 23 dezembro.

Ela é utilizada por fisioculturistas no período de definição para os campeonatos e consiste em ir diminuindo os carboidratos e aumentando a proteína até zerar os carbos, afim de enganar nosso organismo que é muito inteligente, pois se ele percebesse que havia sumido carbo da dieta, não adiantaria nada, pois a primeira coisa que ele iria utilizar como fonte de energia seria massa magra e músculos.

Na balança desde então eu baixei de 80,5kg para 77,2kg, além de fazer uma troca considerável de massa gorda por massa magra. Não fiz avaliação para verificar qual o percentual de gordura, mas a meta de 2013 é chegar em torno de 12% e aumentar a massa magra fazendo um trabalho pesado de fortalecimento muscular, principalmente dos membros inferiores.

O mais interessante de tudo foi conhecer como meu organismo se comporta em uma dieta altamente restritiva e hiperproteíca. Deixo claro que tudo foi acompanhado por profissionais de nutrição e valeu a pena para eu descobrir algumas trocas de alimentos que fiz no período.

Mantive e manterei estes alimentos, pois fazem muito bem a saúde como por exemplo, trocar o pão no café da manhã por frutas, aveia, granola e iogurte integral sem açúcar, consumir mais peito de frango, ovos, brócolis, atum entre outros.

No próximo post eu explicarei como elaborei a dieta e as fontes que consultei para chegar na dieta ideal.

O projeto Arnold deu resultado e ainda haverá mais benefícios no triathlon e na corrida.

Correr para crer, my way, my meal…

Anúncios

2 comentários em “Experiências, eu a cobaia!

Obrigado pela visita e participem comentando no blog!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s