DE TUDO UM POUCO

Mudanças no caminho


As vezes precisamos parar, analisar a situação e se for necessário mudar totalmente o plano, armar as velas para outro rumo e colocar pressão para o vento nos levar.

No final de junho nosso técnico retornou para sua cidade natal para encarar novos desafios e com isso houve uma mudança em nossa assessoria. Desejo boa sorte ao Dido e agradeço em nome do pessoal da I9 todo o trabalho que ele realizou, incentivando e fazendo com que vários pessoas que antes não corriam descobrissem esse belo universo que o esporte proporciona. Eu fui um desses felizardos, pois com ele aprendi muito e evolui no esporte. Meu amigo um forte abraço e novamente sucesso!

Por sorte não ficamos desamparados, pois tivemos a grata surpresa do novo técnico ser bastante experiente tanto em corridas, bem como em triathlon e também de ótima qualificação técnica. Tenho certeza que ele fará um belo trabalho, seja bem vindo Michel!

Bom, como as mudanças envolveram também a metodologia utilizada, todos nós entraremos novamente em período de base para que o Michel possa nos conhecer e saber em qual estágio cada um se encontra e quais serão os objetivos.

Durante o bate-papo que tivemos definimos um objetivo de longo prazo que é o Ironman 2014 e 1 objetivo de médio prazo que é o Ironman 70.3 em 2013. De curto prazo definimos a estratégia para minha estreia no “mundotri” no próximo final de semana, a maratona em setembro, a segunda etapa do GP triathlon em 18 de novembro e talvez a etapa do Sesc Triathlon em Tramandaí/RS no dia 25 de novembro. No meio do caminho outras provas podem ser encaixadas.

O negócio agora é começar tudo de novo com força e objetivo, mudar é preciso, se adaptar também seguindo as curvas que aparecem no caminho!

Anúncios

6 comentários em “Mudanças no caminho

  1. Novos amigos da I9. Trabalhei com o Dido apenas 1 mês e tinha como objetivo melhorar meu tempo na Meia Maratona Intenacional de Floripa. Antes vinha treinando sozinho, ou seja, só correndo por correr. Contudo notei que a diferença foi expressiva com os treinos que ele me passou. Meu tempo melhorou muito, apesar de ter sentido uma fisgada na perna esquerda durante a corrida onde tive que parar, alongar e depois aos poucos retorna a corrida (orientado pelo Guilherme que por sorte passou na hora). Consegui recuperar o tempo forçando bastante e tenho certeza que foi os treinos que tive que fizeram ir até o final apesar do esforço. Obrigado Dido e boa sorte na sua nova empreitada. Agora é contigo Michel, seja bem vindo e conto contigo para vencer essa acirrada competição comigo mesmo. Abraços.

    Curtir

  2. A base é um período de treino considerado um dos mais importantes da temporada. Como o próprio nome diz, você tem que ter uma boa base e consistência no treinamento para não se “quebrar”. É como por exemplo uma construção de um prédio, se o prédio não tiver uma boa base ela desaba. Quem faz uma boa base basicamente fica imune de possíveis contusões no meio da temporada.

    O treino de base é um treinamento geralmente feito em inicio de temporada após o período de transição ( férias) e esse tipo de treino tem duração de 6 a 8 semanas e damos ênfase para trabalhos de fortalecimento muscular e volume. A intensidade é descartada nesse período.

    Então estamos no caminho.
    Abração

    Curtir

Obrigado pela visita e participem comentando no blog!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s